Home / Esporte / Um zagueiro, um meia e dois atacantes: Goiás corre para reforçar elenco
Diretoria promete reforçar elenco do Goiás (Foto: Rosiron Rodrigues / Goiás E.C.)

Um zagueiro, um meia e dois atacantes: Goiás corre para reforçar elenco

Diretoria promete reforçar elenco do Goiás (Foto: Rosiron Rodrigues / Goiás E.C.)

 

Além da efetivação de Sílvio Criciúma como treinador, a diretoria do Goiás também corre para contratar reforços para que o time reaja após início ruim na Série B do Campeonato Brasileiro. Com dois empates e duas derrotas, o Verdão está na zona de rebaixamento. Segundo o presidente Sérgio Rassi, pelo menos mais um zagueiro, um meia e dois atacantes vão chegar para qualificar o elenco esmeraldino.

– Fica repetitivo falar, mas o Goiás precisa de mais quatro ou cinco reforços até o final do ano. Precisamos de alguns reforços, já tivemos uma reunião com o Sílvio. Um zagueiro, um armador e dois atacantes. Isso inegavelmente. Vamos deixar o Sílvio sentir o grupo que ele tem na mão para saber se vamos contratar em outras posições – diz Rassi.

O dirigente, no entanto, evitou fazer previsão sobre a chegada dos novos contratados. A janela de transferências internacionais, por exemplo, será aberta apenas no dia 20 de junho. Só aí o Goiás poderá registrar o zagueiro Bruno Aguiar, que estava nos Emirados Árabes. Além disso, outros jogadores que estão na mira do Verdão ainda pertencem a outros clubes.

– É possível que cheguem nesta semana, mas alguns atletas que estamos sondando têm contrato em curso, outros estão fora do país e tem a questão da janela. É muito difícil falar que chegam nesta semana, mas com certeza quatro ou cinco virão – afirma o presidente do Goiás.

O time esmeraldino volta a campo na próxima terça-feira, em casa, contra o Santa Cruz. O meia Valdeir, que estava acertado com o Goiás, ficará no Salgueiro pelo menos até o dia 18 de junho, quando o time disputa a final do Campeonato Pernambucano diante do Sport.

Fonte: G1 Goiás

Deixe sua opinião

x

Veja também

Plano de retomada do Futebol: Governo do RJ prevê 50% de capacidade em estádios e distância de 2m entre torcedores

Lotação máxima de 50% da capacidade total dos estádios e distância mínima de 2 metros ...

%d blogueiros gostam disto: