Home / Mundo / Brasil / Cidades / Professores e demais grupos prioritários são vacinados contra a gripe em Aparecida
Foto: Arquivo Secom

Professores e demais grupos prioritários são vacinados contra a gripe em Aparecida

Foi iniciada nesta segunda-feira, 13, em Aparecida de Goiânia, a quinta etapa da Campanha de Vacinação contra o vírus da Influenza, causador da gripe, inclusive a do tipo H1N1. Até a próxima sexta-feira, 17 de maio, seguindo o cronograma estabelecido em Goiás, a mobilização é direcionada aos professores das redes pública, particular e filantrópica, que devem procurar uma das 27 salas de vacinas da cidade munidos do cartão de vacinação.

A coordenadora de Imunização da Secretaria de Saúde de Aparecida (SMS), Renata Cordeiro, informa que todos os grupos prioritários das etapas anteriores da campanha devem procurar um dos postos de vacinação caso não tenham sido vacinados ainda. Até o momento, mais de 83 mil doses já foram aplicadas no município, atingindo 72% da cobertura vacinal de todos os grupos preferenciais.

Segundo dados da SMS, até agora, as gestantes (95%) e os idosos (93%) apresentam a melhor cobertura, seguidos pelas puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto) (83%), trabalhadores da Saúde (75%), crianças (68%), professores (41%) e portadores de doenças crônicas (41%).

Crianças e doentes crônicos

“Nossa maior preocupação agora é com as crianças e os doentes crônicos, que devem buscar a imunização o mais rápido possível para se protegerem desta doença, que é altamente transmissível, e contribuírem para a proteção de toda a sociedade”, ressalta Renata Cordeiro. Ela enfatiza que a vacina é segura e reduz complicações, internações hospitalares e até mortes causadas pelo vírus da gripe.

A coordenadora relata que a SMS está adotando uma estratégia diferenciada para aumentar a cobertura vacinal: equipes da Imunização, com agendamento prévio, percorrem, desde a semana passada, abrigos da cidade e CMEIS imunizando idosos e crianças. “Estamos sempre buscando ampliar a proteção à saúde das pessoas com planejamento, estudos e organização do trabalho”, destaca.

Postos de vacinação

A imunização contra a Influenza está disponível nas seguintes Unidades Básicas de Saúde, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30: UBS Andrade Reis; Independência Mansões; Jardim Riviera; Bairro Independência; Campos Elíseos; Jardim Florença; Jardim Tiradentes; Veiga Jardim; Cândido de Queiroz; Jardim Paraíso; Alto Paraíso; Caraíbas; Delfiore; Jardim dos Ipês; Madre Germana; Buriti Sereno; Garavelo Park; Mansões Paraíso; Jardim Olímpico; Parque Trindade; Santa Luzia; Nova Olinda e Retiro do Bosque. Nos Cais Nova Era e Colina Azul a vacinação será de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 18h30. No Centro de Saúde Papillon Park, de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 18 horas.  No Centro de Atendimento Ambulatorial, de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 18h30, e aos sábados, das 8 às 16 horas.

Cais Nova Era

O Cais Nova Era, localizado na Avenida São João, ao lado do Terminal Cruzeiro, no Jardim Nova Era, é o único posto que está imunizando apenas crianças, gestantes e puérperas durante toda a campanha. Os idosos também podem ser imunizados no local até 31 de maio.

Cronograma

Confira o cronograma de vacinação dos grupos prioritários, criado para organizar o fluxo de pacientes e dar mais tranquilidade às pessoas:

* Gestantes, puérperas e crianças de 06 meses até aquelas com 05 anos, 11 meses e 29 dias de idade  – de 10 a 18/04
* Trabalhadores da saúde – de 22 a 26/04
* Idosos com 60 anos e mais – de 29/04 a 03/05
* Todos os grupos prioritários – 04/05 (Dia D)
* Portadores de doenças crônicas – de 06 a 10/05
* Professores – de 13 a 17/05
* População privada de liberdade, adolescentes e jovens em medida socioeducativa e os funcionários do sistema prisional e todos os grupos prioritários – de 20/05 a 31/05
* Indígenas – de 10/04 a 31/05

Influenza: sintomas e contágio

A Influenza, conhecida também como gripe, é uma infecção aguda do sistema respiratório que caracteriza-se por sintomas como dor de cabeça e no corpo, cansaço, coriza, falta de apetite, tosse e febre. A evolução da doença pode trazer grandes perigos, principalmente entre alguns grupos específicos, mais suscetíveis a complicações. O vírus da gripe se dissemina de pessoa para pessoa, por meio do contato com gotículas infectadas, emitidas principalmente durante a tosse ou espirros. É muito comum também que o contágio ocorra por meio das mãos, visto que o vírus vive de duas a oito horas em superfícies rígidas, e quando uma pessoa toca em algum local infectado e depois leva as mãos na boca ou no nariz, sem a devida higienização, acaba se contaminando.Fonte: Willian Mendes

Fonte: Polliana Martins
Foto: Arquivo Secom

Deixe sua opinião

x

Veja também

Saúde de Aparecida reforça a conscientização sobre as hepatites virais

O 28 de julho foi instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como o Dia ...

%d blogueiros gostam disto: