Home / Segurança / Crimes de violência caem no primeiro semestre em Goiás

Crimes de violência caem no primeiro semestre em Goiás

Latrocínio regrediu -35,59%

O governador Ronaldo Caiado e o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, apresentaram nesta segunda-feira, dia 1º, os indicadores criminais dos primeiros seis meses de 2019. Os crimes de violência apresentaram queda em todo o Estado, na comparação com o mesmo período do ano passado. Homicídios, por exemplo, tiveram redução de 13,07%. Também regrediram os casos de latrocínio (-35,59%) e os crimes violentos letais intencionais (-13,88%).

Na apresentação dos números, o governador reafirmou o compromisso da administração estadual com o combate à criminalidade. “Vamos continuar oferecendo total respaldo ao trabalho das nossas polícias. Todas as corporações possuem autonomia para que qualquer pessoa seja investigada”, garantiu.

Ronaldo Caiado também elogiou o desempenho das forças de segurança. Segundo ele, graças ao trabalho dos policiais, Goiás é referência em segurança pública. “Nossas polícias contam com uma capacidade de inteligência e de atuação muito grande. Somos o Estado que mais consegue oferecer proteção a população”, destacou.

Igualmente foram verificadas quedas em roubos de veículos (-59%), roubos ao comércio (-51%), roubos a transeuntes (-50,53%), roubos de cargas (-66%), roubos contra instituições financeiras (-70,59%) e crimes violentos contra o patrimônio (-37%). “Os números refletem o trabalho integrado dos policiais goianos, que contam com total autonomia para o combate ostensivo e a investigação meticulosa, tendo somente presente os parâmetros da lei e do bem-estar do cidadão de bem.”, disse o secretário Rodney Miranda.

O titular da SSP também falou sobre os avanços no trabalho preventivo. Destacou que toda tecnologia da informação das forças de segurança foram integradas e os dados criminais unificados. “As forças policiais têm conseguido se antecipar e impedir que ocorrências criminais sejam cometidas. Isso é fruto dos pilares que norteiam a atual gestão: integração, inteligência e integridade. Esses três eixos já garantem um foco maior no combate à corrupção e ao crime organizado”.

Rodney Miranda ressaltou, ainda, que todas as medidas estão sendo tomadas para evitar que detentos do sistema prisional comandem ações criminosas. “Não é possível controlar a violência sem que os presídios também sejam controlados. Já avançamos muito neste sentido, devemos avançar ainda mais neste ano com abertura de novas vagas no sistema prisional e, não tenham dúvida, vamos trabalhar para coibir ainda mais ações criminosas e coibir quem comanda e articula o crime organizado”, assegurou.

Comparativo mensal

Goiás apresentou redução de 40% no número de homicídios e de 42,47% nos crimes violentos letais intencionais em junho deste ano. É a primeira vez que estes índices apresentam patamares de queda tão expresivos. “As polícias Civil e Militar, bem como o Corpo de Bombeiros, a Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC) e a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) atuam de forma conjunta nos níveis estratégicos, táticos e operacionais. Isso é fundamental para que o Estado consiga coibir ainda mais os criminosos”, explicou o secretário Rodney Miranda.

Goiânia

De janeiro a junho de 2019, os homicídios caíram 28% em Goiânia, na comparação com os primeiros seis meses do ano passado. Também retrocederam latrocínios (62%), roubos a transeuntes (-53%), roubos ao comércio (-55%), roubos de veículos (-70%) e roubos contra instituições financeiras (-100%).

Portal Goiás Agora / Comunicacao Setorial Secretaria de Segurança Pública

Deixe sua opinião

x

Veja também

Goiânia tem queda histórica no índice de criminalidade

14 dias consecutivos sem homicídios no mês de julho O trabalho de integração das forças ...

%d blogueiros gostam disto: