Home / Mundo / Brasil / Cidades / Campanha de Luta contra a Aids mobiliza Aparecida nesta sexta, 01

Campanha de Luta contra a Aids mobiliza Aparecida nesta sexta, 01

A Prefeitura de Aparecida, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, mobiliza a população no Dia Mundial de Luta contra a Aids, comemorado no dia 1° de dezembro. Para promover conscientização no Dezembro Vermelho, a SMS vai realizar testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C nesta sexta (01) para quem passar pela Praça da Família, que fica na Avenida Independência, a partir das 9 horas.

“O objetivo da campanha é ofertar o diagnóstico precoce das Infecções Sexualmente Transmissíveis/HIV/Aids, além de estimular a reflexão sobre a falsa impressão de que a AIDS afeta apenas o outro, distante da percepção de que todos estamos vulneráveis e suscetíveis”, conta a coordenadora do Programa  de IST/HIV, Sífilis e Hepatites Virais, Ana Paula Vieira.

O diagnóstico da infecção pelo HIV é feito a partir da coleta de sangue. Os testes rápidos detectam os anticorpos contra o HIV em até 30 minutos, colhendo uma gota de sangue da ponta do dedo ou fluido da mucosa oral. Os exames são realizados gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Em Aparecida de Goiânia, a testagem está disponível em 21 Unidades Básicas de Saúde, em todas as Unidades de Pronto Atendimento, nos Cais Nova Era e Colina Azul e Centro de Saúde Papilon Park, nos Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA). Nesses locais, além da coleta e da execução dos testes, há um processo de aconselhamento, antes e depois do exame, para facilitar a interpretação correta do resultado pelo paciente.

O município também conta com CTA no Centro Clínico Municipal, no Setor dos Afonsos. O atendimento é realizado por equipe multiprofissional composta por médicos, enfermeiros, psicólogo e técnica de enfermagem, de segunda à sexta, das 7h as 17h30. São oferecidos à população os exames necessários para diagnóstico sorológico de HIV, sífilis e hepatites B e C. Além de consulta com abordagem de sinais e sintomas para identificação de outras doenças sexualmente transmissíveis.

Além das unidades fixas, desde 2014, Aparecida conta com o serviço do Centro de Testagem e Aconselhamento Itinerante (CTAI), que proporcionou a ampliação do serviço de diagnóstico precoce do HIV e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis para segmentos populacionais em situação de maior vulnerabilidade e de difícil acesso.

Fonte: Ana Clara Dias – SMS

Deixe sua opinião

x

Veja também

Sem apoio: sobre medidas contra coronavírus, Caiado se reunirá com prefeitos nesta segunda-feira (18/5) às 18h

O governador Ronaldo Caiado anunciou, na tarde deste domingo (17/5), que irá se reunir com ...

%d blogueiros gostam disto: