Home / Mundo / Brasil / Cidades / Campanha contra o Tráfico de Pessoas é intensificada em Aparecida
Foto: Wigor Vieira

Campanha contra o Tráfico de Pessoas é intensificada em Aparecida

O dia 30 de julho é o dia Mundial de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas. E em alusão a data foi realizada na a manhã desta quarta-feira, 31, na Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia, a palestra “Para que o sonho não vire armadilha”. O tema faz parte da Campanha Coração Azul contra o Tráfico de Pessoas, que tem como público-alvo crianças, adolescentes, homens e mulheres. A ação foi realizada pelo Projeto Resgate com apoio da Secretaria Executiva da Mulher e teve como objetivo conscientizar a população sobre o tema.

“Essa campanha fala do amor e o cuidado que temos que ter com as vítimas. Não poderíamos deixar de fazer esse trabalho em Goiás, até porque Goiânia, Aparecida e Anápolis são as três principais cidades que aparecem nas rotas de tráfico de pessoas. Estarmos aqui hoje é muito importante, pois podemos mostrar e informar para a população o quão real e grave é a situação”, explicou o Secretário Executivo do Projeto Resgate, Marco Aurélio de Sousa e idealizador da campanha.

A Secretária Executiva da Mulher, Tia Deni, esteve presente na solenidade e destacou a importância de falar sobre o assunto com os moradores do município. “É um tema delicado, mas é mais que necessário discutir sobre ele e os riscos do tráfico humano, já que nosso estado é rota dos traficantes.  Muitas pessoas não sabem do contexto e podem ter vivido ou visto uma situação, mas por vergonha ou falta de auxílio tem vergonha de falar ou orientar a pessoa que passa pelo problema”, comentou ela.

Tráfico de Pessoas – O tráfico de pessoas é um crime definido pela Lei nº 13.344, desde o dia 6 de outubro de 2016. Como um comércio de seres humanos, ele acontece quando a pessoa é levada a uma situação de exploração, mesmo que, de início, tenha concordado. O tráfico pode acontecer para vários fins: exploração sexual, trabalho equivalente ao de escravo, remoção de órgãos humanos, adoção ilegal e vários outros. Para fazer denúncia ou qualquer episódio suspeito é só entrar em contato no disque 100 ou 180, ou acessar a página da campanha no facebook.com/trafico.pessoas.

Fonte: Maria Jessyca Queiroz

Deixe sua opinião

x

Veja também

Sem apoio: sobre medidas contra coronavírus, Caiado se reunirá com prefeitos nesta segunda-feira (18/5) às 18h

O governador Ronaldo Caiado anunciou, na tarde deste domingo (17/5), que irá se reunir com ...

%d blogueiros gostam disto: